Ofurô

Muitas culturas orientais consideram um tipo de relaxamento arte, e ao ofurô japonês banheira de imersão não é excepção. Essas banheiras especializadas estão cheias de água e sais e temperaturas quentes.

Uma pessoa não usa um ofurô de imersão para se banhar, mas sim para relaxar. A combinação da água salgada e calor ajudam o corpo a relaxar e aliviar a dor nos músculos.

Também é usado pelas culturas orientais para ajudar a relaxar o espírito, bem como do corpo. Eles são uma forma única de método de relaxamento que têm ganhado popularidade em muitas culturas ocidentais.

Sinônimo espaço privado para relaxamento no Japão, banheiras de ofurô fizeram sua história na cultura ocidental com muitos fabricantes, que adopta o termo para identificar os seus próprios desenhos de banheira.

Se você quiser investir na purificação e conforto da sua mente, corpo e espírito, você vai querer uma dessas banheiras em breve.

Nossos corpos são portadores de estresse, tensão e outras condições insalubre que devem ser liberados antes que doenças grave ocorram. Quando você toma um banho em um ofurô, essas coisas são libertados como a água é solta após o uso.

Tradicionalmente, o japonês, que inventou a banheira de ofurô, não banha-se para limpar-se. Eles banham-se para relaxar. Uma coisa interessante sobre ofurôs é que muitos deles são tradicionalmente caseiro feitos com madeira. A madeira é geralmente hinoki, que é um tipo de árvore que é exclusivo para o Japão. Ofurôs de madeira foram usados pelos japoneses há séculos.

A tradição familiar do ofurô é de cada um tomar um banho de chuveiro ou com a própria água do ofurô antes de entrar. Feito isto se pode entrar de acordo com a idade, respeitando os mais velhos primeiros. Assim, a energia é poupada porque não há água separada para cada pessoa.

Os banhos são feitos sob a atenção de uma cuidadora (terapeuta) com conhecimentos de ervas e sais, O ambiente deve ser especialmente preparado, tomando-se cuidado com o clima, aroma, temperatura, ervas especiais, flores e luzes coloridas (cromoterapia).

Os resultados deste momentos de cuidados, é a harmonização do corpo e mente, aumentando a auto estima.

Existem diversos tipo de banho podendo ser relaxante, harmonizador, estimulante e até mesmo afrodisíaco, dependendo o tipo de procedimento e material utilizado. Os famosos banhos de sal grosso, arruda, pétalas e cachoeiras, utilizados por algumas religiões hoje ganham uma super produção em espaços terapêuticos.

Mandi Sussu – Banho de leite. As princesas javanesas utilizaram por séculos os banhos de leite como elixir da juventude, e para manter a pele do corpo sempre macia.

Floral Bath – Banho com pétalas de flores. Os asiáticos acreditam que as flores têm uma ligação com o mundo espiritual, proporcionando uma limpeza em nossas impurezas terrenas.

Traditional Lulur – Tratamento de beleza das princesas javanesas. Inclui esfoliação, limpeza, hidratação, revitalização da pele do corpo e relaxamento mental através de massagens e banhos. Atualmente na Indonésia é utilizado pelas noivas na semana que antecede o casamento.

O tradicional escaldapé – imersão dos pés em uma pequena bacia com água aquecida podendo ou não ter como adereço, sais e ou ervas. Trata-se do relaxamento dos nossos avós que ao término de um dia de trabalho se davam esta terapia.

Banho de Vinho – A magia e o conhecimento milenar japonês estão presentes neste delicioso banho de vinho de arroz. Além de suas propriedades medicinais para eliminar toxinas, o banho estimula a circulação e alivia dores musculares. Este ritual tornou-se lendário por acentuar a beleza e deixar a cútis tão suave e macia que o saquê ficou conhecido no Japão como “Saquê para pele brilhante como jóia”.

Banho de Algas Marinhas – Algas especiais são coletadas para este tipo de banho. Algumas promovem uma grande hidratação da pele e outras uma leve esfoliação.que tonifica, rejuvenesce e estimula a circulação, segundo os seus usuários..

Banho de Gengibre – Atua revigorando, aquecendo, purificando, acalmando. Usado para alívio de dores reumáticas e musculares. Afrodisíaco ele pode revigorar e vitalizar sexualmente.

Banho de Tangerina – promove o relaxamento e a alegria. As tangerinas doces são as favoritas no banho dos japoneses, devido suas propriedades aromaterapêuticas que proporcionam alegria e aquecimento do corpo. Com o objetivo de proporcionar total relaxamento, a essência de maracujá é acrescentada ao banho, transformando este momento completo para quem está desgastado fisicamente e mentalmente.

Banho da Floresta – Este banho é uma combinação de sal marinho e óleos essenciais de espécies florestais como cedro, cipreste, pinho e eucalipto. No verão, equilibra as transpirações excessivas e, no inverno, purifica e acalma, corta ou previne gripes e resfriados.

Banho de Sal do Mar Morto – O sal do Mar Morto é extraído do ponto mais baixo da Terra (400 metros abaixo do nível do mar), por isso é mais rico em sais minerais e oxigênio.

A combinação do sal e alguns óleos essenciais tornam este banho totalmente relaxante e rico em qualidades terapêuticas. Indicados para Artrite, reumatismo e dores musculares.

Importante lembra que o poros da pele não funcionam apenas em um sentido; primeiro as toxinas saem para que depois os nutrientes herbáceos penetrem na pele”. Sendo assim, faz-se necessária a higienização do corpo antes do banho.

Thalassoterapia. Do grego “THALASSA”, que significa mar, este banho incorpora vários tratamentos terapêuticos usando a água do mar, massagens na água, bandagens, jatos d’água e cores – cromoterapia.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *